Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Com gol no fim, Grêmio ganha do São Paulo no Morumbi

O São Paulo entrou em campo no estádio do Morumbi, neste domingo, com o objetivo de prejudicar o Grêmio duplamente: além de vencer, poderia ultrapassar o time gaúcho e assumir a quarta colocação do Campeonato Brasileiro. Mas um gol aos 46 minutos do segundo tempo de um jogo equilibrado, deu a vitória para o Grêmio. Com isso, em vez de entrar no G-4, o São Paulo fica em sétimo lugar com 25 pontos (podendo cair para oitavo dependendo do resultado do jogo do Botafogo). O Grêmio mantém a quarta colocação, com 31 pontos.

GUILHERME AMORIM, Agência Estado

12 de agosto de 2012 | 18h42

O jogo começou morno. Durante boa parte do primeiro tempo, o Grêmio manteve a posse de bola no campo do São Paulo, com trocas de passe no meio de campo, principalmente com Zé Roberto e Elano. Mas faltou mandar a bola para os atacantes do time, Kléber e Marcelo Moreno, que não tiveram oportunidades de finalizar. O São Paulo, por sua vez, buscava contra-ataques em velocidade, mas não conseguia assustar o suficiente. As melhores chances foram de Elano, que por duas vezes assustou o goleiro Rogério Ceni.

Por volta dos 30 minutos, o São Paulo começou a impor-se mais no jogo, com boas chances de Jadson e Douglas. A partir daí, a partida ficou mais equilibrado e culminou com gol dos donos da casa. Aos 40, Jadson partiu pelo meio e enfiou belo passe para Cícero, que dominou em velocidade, invadiu a área e bateu de chapa, inaugurando o placar. Nos cinco minutos finais, o São Paulo continuou pressionando.

No segundo tempo, a disputa pela quarta colocação do Brasileirão foi intensa. Logo no primeiro minuto, Kléber sofreu falta muito próxima da área, que acabou resultando em nada. Nos três lances seguintes, o São Paulo respondeu com ataques rápidos puxados por Ademilson.

O jogo então tornou-se franco, com os dois times buscando o gol e ao mesmo tempo abrindo espaço para o adversário. O ritmo de ataques e contra-ataques deu resultado para o Grêmio aos 21 minutos. Marquinhos cobrou escanteio e o zagueiro Werley cabeceou na primeira trave e marcou.

Após o gol, o jogo continuou bom, com nenhuma das duas equipes satisfeita com o empate. Tanto é, que aos 37 minutos, o técnico são-paulino, Ney Franco, decidiu substituir Casemiro, que jogava na zaga, pelo atacante Willian José.

A partida parecia que ia terminar empatada, um resultado até justo pelo o que os dois times criaram. Mas, aos 46 minutos, o Grêmio foi ao ataque com Zé Roberto, que cruzou para a esquerda, Kléber cabeceou para o meio e André Lima, que havia entrado no lugar de Marcelo Moreno, desviou para as redes. Dois minutos depois, o árbitro goiano Elmo Resende da Cunha encerrou o jogo e sacramentou a virada dos gaúchos.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 1 x 2 GRÊMIO

SÃO PAULO - Rogério Ceni; João Felipe, Casemiro (William José) e Rhodolfo; Douglas, Denilson, Maicon, Jadson e Cortez; Cícero e Ademilson. Técnico: Ney Franco.

GRÊMIO - Marcelo Grohe; Edilson, Werley, Gilberto Silva e Pará; Fernando (Marquinhos), Souza, Elano (Léo Gago) e Zé Roberto; Kléber e Marcelo Moreno (André Lima). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

GOLS - Cícero, aos 40 minutos do primeiro tempo; Werley, aos 21, e André Lima, aos 46 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Douglas e Cortez (São Paulo); Kléber e Werley (Grêmio).

ÁRBITRO - Elmo Alves Resende da Cunha (GO).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.