Com lesão, Cesar Cielo fica fora do Mundial de piscina curta

Cesar Cielo anunciou nesta sexta-feira que não disputará o Mundial de piscina curta, a ser realizado em Istambul no mês de dezembro, para poder tratar uma lesão nos joelhos. O brasileiro, medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Londres, sofre de tendinopatia, resultado dos esforços físicos acumulados nos últimos meses de treinamento.

AE, Agência Estado

14 de setembro de 2012 | 15h13

Cielo vai concentrar sua atenção agora no tratamento médico e de fisioterapia para poder iniciar a temporada 2013 em alto nível. "Esta decisão de não ir ao Mundial foi tomada pensando na longevidade mesmo da minha carreira, na medalha olímpica que eu ainda desejo ganhar nos 50 metros livre no Rio, em 2016, nadando em casa. Essa lesão está começando a me limitar, me atrapalhando nos treinamentos", explicou o nadador.

O brasileiro havia conquistado índice para disputar os 50 metros livre e borboleta e os 100 metros livre, após se destacar no Troféu José Finkel, logo após a Olimpíada. No próximo ano, o maior objetivo de Cielo será o Mundial de Barcelona, em julho. "O ciclo olímpico que começa agora visa a 2016, mas no ano que vem quero estar bem para o Maria Lenk, em abril, e o Mundial de Barcelona, em julho".

Antes da notícia oficial sobre a desistência do Mundial, havia a suspeita de que Cielo precisaria de cirurgia nos joelhos para voltar às piscinas. O comunicado oficial do nadador, porém, descartou essa possibilidade.

Tudo o que sabemos sobre:
nataçãoCesar Cielorecuperação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.