Com ultrapassagem polêmica, Pagenaud vence etapa da Indy

Hélio Castroneves, que era pole, terminou na terceira colocação

Agência Estado, Estadão Conteúdo

17 de abril de 2016 | 20h06

O francês Simon Pagenaud venceu neste domingo a etapa de Long Beach da Fórmula Indy com uma ultrapassagem polêmica sobre o neozelandês Scott Dixon, que terminou na segunda colocação. O piloto da Penske deixou os boxes na volta 53 e cortou a linha amarela para evitar a perda da posição para o adversário da Ganassi.

Apesar das reclamações dos dirigentes da Ganassi, a direção de prova deu apenas uma advertência ao francês, que manteve-se na dianteira e conquistou o troféu da terceira etapa da temporada. O brasileiro Hélio Castroneves, que havia feito a pole, errou na estratégia em uma prova com poucas ultrapassagens e terminou na terceira colocação.

As trocas de posições foram poucas, pois não houve acidentes durante as 80 voltas. Pela primeira vez desde a etapa de Mid-Ohio, em 2013, uma prova da Fórmula Indy aconteceu sem bandeira amarela. Em Long Beach, um traçado considerado complicado pelos pilotos, desde 1989 que a etapa tinha ao menos uma interrupção.

O colombiano Juan Pablo Montoya segurou as investidas do japonês Takuma Sato e assegurou a quarta colocação, ficando logo à frente do piloto asiático. Tony Kanaan terminou em sexto lugar. O australiano Will Power, que bateu o recorde da pista nos treinos livres, ficou em sétimo, seguido de perto pelo canadense James Hinchcliffe. O francês Sébastien Bourdais e o norte-americano Josef Newgarden completaram a lista dos dez melhores.

A primeira vitória de Pagenaud na temporada o mantém na liderança do campeonato, agora com 14 pontos de vantagem sobre Dixon, que aparece em segundo. Os carros da Indy voltam para a pista no próximo domingo, na etapa do Alabama.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.