Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Coma e Sainz garantem liderança no Rally Dakar

Antes do único dia de descanso do Rally Dakar, programado para acontecer neste sábado, os pilotos espanhóis mantiveram o domínio na prova. Nesta sexta-feira, depois da disputa da sexta etapa, com 456 quilômetros de trecho cronometrado entre Iquique e Arica, no Chile, Marc Coma garantiu a liderança entre as motos e Carlos Sainz completou mais um dia como primeiro colocado nos carros.

AE, Agência Estado

07 de janeiro de 2011 | 18h10

Campeão da última edição da prova, o espanhol Carlos Sainz está na liderança desde o início da disputa atual. Nesta sexta-feira, ele venceu a quarta das seis etapas já realizadas, ao completar o percurso em 4h53min53. Enquanto isso, o melhor brasileiro entre os carros é Guilherme Spinelli, que terminou o dia em nono lugar (5h38min15) e aparece na oitava posição na classificação geral.

O espanhol Marc Coma também venceu a edição passada do Rally Dakar, mas está enfrentando mais dificuldade do que Sainz para manter a liderança deste ano, quando encara uma disputa acirrada com o francês Cyril Despres. Nesta sexta-feira, ele completou o percurso em 5h40min47 e ficou em quarto lugar, mantendo a ponta - o melhor do dia foi o português Ruben Faria, com 5h35min27.

O melhor brasileiro entre as motos era Zé Hélio, que ocupava o 11º lugar na classificação geral. Mas ele sofreu uma queda nesta sexta-feira e, como quebrou a clavícula, foi obrigado a abandonar a prova. Assim, o Brasil aposta agora no piloto Jean Azevedo, que terminou a sexta etapa na 16ª colocação, com tempo de 6h05min29, o que o deixou na 13ª posição na classificação geral.

Além de Zé Hélio, o Brasil perdeu outro participante nesta sexta-feira. O piloto André Azevedo, que competia ao lado do também brasileiro Maykel Justo e do checo Mira Martinec, foi obrigado a abandonar o Rally Dakar após a quebra do seu caminhão. Antes do problema, ele ocupava o sexto lugar na classificação geral da categoria, que é liderada pelo russo Firdaus Kabirov.

Neste sábado, acontece o único dia de folga do Rally Dakar. Assim, a disputa será retomada apenas no domingo, quando está programada a realização da sétima etapa, com 631 quilômetros de trecho cronometrado entre as cidades de Arica e Antofagasta, ambas no Chile.

Tudo o que sabemos sobre:
Rally Dakar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.