Começa a briga entre Real e Barcelona

Sem contratações de impacto, competição abre a temporada com os dois gigantes, de novo, na corrida pelo título

O Estado de S.Paulo

18 de agosto de 2012 | 03h06

Ao contrário das edições anteriores, quando Barcelona e Real Madrid exibiam seus músculos com contratações impactantes, a temporada 2012/2013 do Campeonato Espanhol começa com negociações mequetrefes. Culpa da crise econômica que devorou gregos e degusta espanhóis, italianos e portugueses. Mesmo assim, os dois gigantes vão disputar o título em uma Liga só deles.

O Barça fechou com o lateral Jordi Alba, titular da seleção espanhola, e negocia a vinda do zagueiro Alex Song, do Arsenal. "Continuamos sendo o time a ser batido", provocou o lateral Daniel Alves. Com a herança valiosa de Pep Guardiola - 14 títulos conquistados em 18 disputas -, Tito Vilanova fará sua estreia oficial amanhã, no Camp Nou, diante do sempre coadjuvante Real Sociedad.

O Real Madrid vai defender o título com a base do ano passado, que deve ser reforçada com o meia croata Luca Modric, destaque da Eurocopa. O time de José Mourinho começa a luta pelo bi no Santiago Bernabéu, também amanhã, diante do Valencia, líder da outra Liga Espanhola, aquela das equipes mortais. A chegada de Guardado, Gago, João Pereira, Valdez e também do técnico Mauricio Pellegrino representa um recomeço para a equipe de Jonas.

Também disputam a "outra" Liga o Atlético de Madrid, que traz o título da Liga Europa e manteve o excelente Falcao García, artilheiro do torneio; e o Athletic Bilbao, vice da Liga Europa e da Copa do Rei.

Na madrugada. A grande novidade do torneio são as partidas às 23 horas (18 horas de Brasília). A medida, adotada por causa do calor nesta época do ano, será válida apenas nas primeiras rodadas. "A essa hora, eu estou dormindo", disse Falcao, alfinetando o jogo Atlético x Levante.

O jogo de abertura do torneio, hoje, às 14 horas, marca o retorno do modesto Celta à elite diante do Málaga, que beliscou uma vaga na Copa dos Campeões, mas enfrenta séria crise financeira. Também jogam Sevilla e Getafe e Mallorca e Espanyol, partida que inaugura o futebol na madrugada espanhola.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.