Concurso em SP reúne 600 conjuntos

O Concurso Internacional de Salto Visa Indoor começou nesta quinta-feira na Sociedade Hípica Paulista, em São Paulo, com provas nacionais. A competição, que terá mais de 600 conjuntos sul-americanos, segue até dia 10. Na próxima semana haverá provas internacionais, que servirão de seletiva para a Copa do Mundo do ano que vem, em Las Vegas, nos Estados Unidos.Nesta quinta-feira, pela prova de obstáculos até 1,20 m para cavaleiros juvenis, o primeiro colocado foi Lucas Moreira Aranha, montando "Congo", no tempo de 52s90, sem faltas. Ele foi seguido de Beatriz Americano Alves e "Cafu", em 57s39, e Marcella Maiolino, que montou "Almaden HV" e encerrou o percurso em 62s77.Nesta sexta-feira as provas começam às 10h. A prova forte, com obstáculos de até 1,30 m e cronometrada, está prevista para as 20h.Um dos destaques da competição, Álvaro Affonso de Miranda Neto, o Doda, desembarca nesta sexta-feira da Europa. Sua participação é uma incógnita para os outros cavaleiros, que não sabem com que animal ele irá saltar na competição.Além dele, o Visa Indoor tem como destaques Marcelo Artiaga, César Almeida, Pedro Paulo Lacerda, Vitor Alves Teixeira, Carlos Bier Johannpeter e a amazona Cláudia Itajahy. Novos valores do hipismo brasileiro também competem: caso de Pedro Veniss e Manoel Poladian Filho.Vitor Alves Teixeira acredita que, com o cavalo "Curioso", possa vencer o Grande Prêmio do dia 10. "Esse animal é especialista em provas cobertas. Foi com ele que venci a seletiva do ano passado, em Porto Alegre. Além disso, em dois GPs recentes ele fez apenas uma falta em cada prova, o que considero bom."O cavaleiro considera-se entre os favoritos para levar o título do Visa Indoor deste ano: "Meus maiores adversários devem ser brasileiros, já que nenhum cavalo renomado vem do Exterior. Quem deve dar trabalho porque está em excelente fase é o César Almeida. Treinamos juntos e eu o conheço bem. Também tem o Marcelo Artiaga, que é experiente e vem obtendo bons resultados ultimamente."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.