Divulgação/Panam
Divulgação/Panam

Conheça Fiu, o pássaro escolhido como mascote dos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023

Anúncio da escolha foi feito em evento para comemorar a contagem regressiva de dois anos para a competição

Redação, O Estado de S. Paulo

17 de outubro de 2021 | 15h25

Faltando dois anos para a realização dos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023, a organização do evento revelou o mascote oficial escolhido para a competição: o pássaro Fiu.

O passarinho de sete cores é inspirado na espécie Tachuris rubrigastra, que é nativa da região centro-oeste da América do Sul e é muito encontrada nos pântanos do Chile. Cada uma das cores tem um significado, sendo eles: força, perseverança, respeito, determinação, honestidade, companheirismo e paixão.

A variedade de cores do mascote, assim como na espécie original, quer representar "a diversidade do ser humano e dos atletas". Fiu superou a concorrência de outros cinco candidatos em uma votação popular, que teve participação de mais de 45 mil pessoas no site de Santiago 2023.

“Um pássaro de sete cores, alegre, apaixonado pelo meio ambiente, amigo de todos os países e admirador de todos os atletas. Ser pequeno não é uma dificuldade para dar o meu melhor. Tenho um grande desafio: receber todos nos Jogos de Santiago 2023 e o farei desfrutando cada momento com vocês”, disse o vídeo de apresentação do mascote.

O anúncio da escolha foi realizado em cerimônia em Cerro San Cristóbal, uma colina no norte da capital chilena, e contou com membros do comitê organizador dos jogos.

“Fiu é um pássaro tão bom que vai nos mostrar que ser pequeno não significa que você não pode dar o seu melhor. Por isso continua praticando cada um dos 38 esportes pan-americanos e 17 esportes parapan-americanos que fazem parte do programa de competições do evento”, afirmou o diretor executivo dos Jogos de Santiago 2023, Felipe De Pablo.

O Pan-Americano de Santiago, que pretende receber mais de 10 mil atletas de 41 países, está marcado para começar no dia 16 de outubro de 2023.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.