Copa ajudaria Brasil a ter Olimpíada

O presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthuz Nuzman, afirmou nesta quarta-feira que a realização da Copa do Mundo de 2014 no País ajudará na candidatura olímpica à sede dos Jogos de 2016. De acordo com o dirigente, o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Jacques Rogge, lhe afirmou que não vê problemas em duas competições deste porte ocorrerem em intervalos de dois anos. Na terça-feira, o presidente do COI afirmou que o Rio precisava ?estabelecer uma prioridade? e se perguntar sobre ?o que está preparado para fazer??. Nesta quarta, Nuzman negou que o dirigente estaria sugerindo ao País optar entre a realização de uma competição ou de outra. ?Conversei com o presidente Rogge pessoalmente e ele me confirmou que não é impossível realizar as duas competições em curto período de tempo. Pelo contrário, a realização da Copa do Mundo deixaria um grande legado para o projeto dos Jogos Olímpicos. A história nos dá vários exemplos iguais a esses, não seria uma novidade?, completou Nuzman. O México, com os Jogos Olímpicos de 1968 e a Copa do Mundo de 1970, a Alemanha responsável pela Olimpíada de 1972 e a Copa do Mundo de 1974, além dos Estados Unidos, com a Copa do Mundo de 1994 e os Jogos Olímpicos de 1996, foram citados para exemplificar a argumentação. A Agência Estado procurou o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, para falar sobre o assunto, mas sua assessoria informou que ele estava viajando para Teresópolis e até o início da noite não havia chegado. Novidade ? Após conquistar espaço nos Jogos Pan-Americanos do Rio, o futsal pode virar uma modalidade olímpica. O presidente do COB explicou que com a saída do Beisebol e do Softbol da Olimpíada de Londres, em 2012, 312 vagas foram abertas para serem ocupadas por modalidades de esportes já olímpicos. ?Se a FIFA apresentar o interesse da inclusão do futsal no Programa Olímpico, a possibilidade está aberta. O futsal é uma modalidade do futebol, que já é esporte olímpico?, disse Nuzman, lembrando que a decisão sobre as novas disputas serão tomadas em uma Assembléia do COI, em outubro. ?Se novas modalidades entrarem no Programa Olímpico, vamos estudar a entrada delas também no Programa dos Jogos Pan-americanos Rio 2007.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.