Corinthians faz as pazes com a vitória

Com dois gols do artilheiro Dentinho, marcados no segundo tempo, o líder da Segunda Divisão vence o Paraná por 2 a 0 e chega aos 31 pontos

Sergio Martins, O Estadao de S.Paulo

26 de julho de 2008 | 00h00

Ao vencer ontem o Paraná por 2 a 0, em Curitiba, o Corinthians atingiu ao menos três objetivos: manteve-se invicto como visitante na Série B (agora, são oito jogos), abriu seis pontos de vantagem sobre a Ponte Preta, a segunda colocada, e, por fim, quebrou uma corrente de três jogos sem vitórias.Os gols que deram a nona vitória à equipe do Parque São Jorge foram marcados por Dentinho. O primeiro, aos 25 do segundo tempo, num lance em que a bola sobrou limpa na pequena área e o atacante só teve o trabalho de empurrar para as redes. O segundo saiu 10 minutos depois, num chute cruzado, completando bom passe de Acosta. Esse jogo contra o Paraná foi a primeira das três partidas que o Corinthians fará em seqüência contra clubes do Sul do Brasil - os outros dois jogos serão contra Criciúma, no dia 2, e depois contra o Juventude, no dia 5, ambos no Pacaembu. Mas ontem, até o Corinthians abrir o marcador, o Paraná estava melhor no jogo, pressionando muito a defesa rival e obrigando o goleiro Felipe a fazer importantes defesas em chutes disparados de fora da área. Porém, enquanto o Paraná atacava mais e tinha um volume de jogo maior, a melhor chance de gol na partida acabou sendo do Corinthians, quando, aos cinco minutos, Douglas e Dentinho, soltos no interior da área, perderam um gol feito.Não se pode dizer, porém, que a vitória corintiana tenha sido injusta. Afinal, foi um prêmio ao time que nos momentos decisivos não desperdiçou as oportunidades. Já alguns membros de uma das torcidas organizadas do clube paranaense não entenderam dessa maneira e após o jogo se dirigiram para a saída dos torcedores corintianos, buscando o confronto. A polícia conseguiu contê-los com bombas de efeito moral e cordões de isolamento. Confusão à parte, Dentinho estava eufórico após o jogo. Além de marcar os dois gols, o atacante se tornou o artilheiro do clube na competição (sete gols). "É o melhor momento de minha carreira e isso é fruto de muito trabalho. Graças a Deus voltei a ajudar nosso time." OUTROS JOGOSEm Campinas, a Ponte Preta bateu o Avaí por 3 a 2 e assumiu a vice-liderança da competição. Outros resultados: ABC 2 x 2 Brasiliense, Gama 2 x 2 Vila Nova e CRB 1 x 1 América-RN.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.