Sérgio Neves/AE
Sérgio Neves/AE

Corinthians não se dá bem em Goiânia. Chance agora é boa

Até a conquista do título de 2005 veio após uma derrota. Alvinegro tenta mudar retrospecto contra um Goiás desfigurado

, O Estado de S.Paulo

04 de dezembro de 2010 | 00h00

Basta citar o nome Serra Dourada e o corintiano logo lembra da conquista do Brasileiro de 2005 no estádio goiano. Se esquecem, porém, que ela veio após uma derrota por 3 a 2. Jogar no palco da 'decisão' deste domingo, com a obrigação de vitória, é uma missão ingrata para o Corinthians. Porém, ela pode ser facilitada pelo fato de o Goiás já ter avisado que usará reservas e juvenis no confronto, pois poupará os titulares para a segunda partida da final da Sul-Americana. Mas o fato é que são poucos os triunfos alvinegros no local.

Veja também:

linkFavoritos lutam contra fantasmas

link'Esperança é a última que morre', diz R.Carlos

linkLula diz que só 'milagre' dá título ao Corinthians

Em Brasileiros, o Corinthians ganhou do Goiás no Serra Dourada apenas 5 vezes em 21 confrontos. Perdeu outros sete e empatou nove. Lembrar do último triunfo no local é para poucos. Até os mais fanáticos sofrem para responder o 2 a 0 da Sul-Americana de 2005 (no Brasileiro, o último foi o 3 a 2 de setembro de 2001). São várias as decepções no estádio. Este ano, por exemplo, o Corinthians perdeu a invencibilidade no Nacional justamente lá. Foi nos 3 a 1 para o Atlético-GO.

Não dá para esquecer, também, do episódio da 'uva roxa', em 2008, quando os adversários satirizaram a cor da nova camisa corintiana. Durante a disputa da Copa do Brasil, dirigentes esmeraldinos prometeram e chuparam uva após um contundente 3 a 1. "Naquela época levamos um vareio de bola lá", reconhece o presidente Andrés Sanchez, garantindo, porém, não haver mágoa com os goianos. "Até emprestei alguns jogadores para eles esse ano."

Um ano antes, o Corinthians já havia enfrentado o Goiás com a obrigação de vencer para se distanciar da ameaça do rebaixamento. Mas empatou por 1 a 1 e, se não fosse o goleiro Felipe, que defendeu um pênalti, a situação seria pior. O Corinthians caiu e, na Série B, perdeu lá por 2 a 1, dessa vez para o Vila Nova. No primeiro turno deste ano, o time alvinegro goleou por 5 a 1 o Goiás no Pacaembu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.