Corinthians reencontra a vitória

Com boa atuação, time quebra jejum de cinco jogos, ao derrotar o Atlético-MG, por 2 a 0, no Pacaembu

Wilson Baldini Jr., O Estadao de S.Paulo

17 de agosto de 2009 | 00h00

O Corinthians somava cinco jogos sem vitória e três sem marcar gols. Ontem à tarde, diante de um Atlético-MG desfalcado, o time de Mano Menezes mostrou evolução tática, venceu por 2 a 0, e voltou a dar esperanças aos quase 20 mil pagantes no Pacaembu de poder brigar pelas primeiras posições no Campeonato Brasileiro. "Não vamos deixar a peteca cair. Eu acredito na conquista do título", afirmou o atacante Dentinho, um dos melhores em campo e autor do primeiro gol, contrariando previsões de Mano, após a derrota para o Flamengo no domingo passado, de que o time estaria fora da disputa.Com Ronaldo nas tribunas, comendo todos os tipos de guloseimas e demonstrando estar mais magro após a lipoaspiração, o time do Corinthians se apresentou bem organizado em campo. Os atacantes Dentinho, Henrique e Jorge Henrique iniciavam a marcação no campo do Atlético-MG, que, sem seis titulares, não mostrou criatividade para procurar o ataque.A equipe mineira iniciou abusando das faltas e cometeu sete contra uma do Corinthians, que perdeu Edu, com uma contusão muscular, aos 21 minutos. Antes, aos 3, o volante salvou gol certo de Diego Tardelli, após linha de impedimento mal feita pela zaga corintiana.Com um bom toque de bola, o Corinthians chegava com perigo ao gol do Atlético-MG. Dentinho, em tarde inspirada, abriu o placar, aos 25 minutos, após sua finalização desviar em Werley. "Em alguns jogos estava faltando sorte. Hoje ela estava do nosso lado", disse o volante Elias, que voltou a se destacar na marcação, mas ainda errou demais nas finalizações.A situação do Atlético ficou ainda mais complicada aos 34 minutos, quando o goleiro Bruno se machucou e precisou ser substituído por Edson, a terceira opção, pois o titular Aranha, machucado, nem jogou. "Quem entrou no time está sentindo a falta de ritmo e a bola não chega lá na frente", disse Diego Tardelli. Sua análise ficou ainda mais correta na segunda etapa, quando, visivelmente, o time mineiro demonstrou muito cansaço.O Corinthians ampliou com um bonito gol de Boquita, aos 5 minutos, após roubada de bola de Henrique, que também se apresentou muito bem no jogo. A vitória ficou garantida, aos 13, quando Renan fez falta por trás em Elias e foi expulso. A partir daí, só deu Corinthians, que só não goleou, graças às boas defesas de Edson.A torcida, os jogadores, Mano Menezes e Ronaldo deixaram o Pacaembu satisfeitos, após 24 dias sem vitória. E com a esperança de que o Corinthians possa voltar a ser vencedor. NÚMEROS24 diaso Corinthians amargou jejum3 jogoso time de Mano Menezes ficou sem gols5 rodadasa equipe passou sem vencer28 pontossoma no campeonato

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.