Corinthians se contenta com ''novo Messi''

Nem Riquelme nem Tevez. Quem vem aí é Defederico. Conhece?

Fábio Hecico, O Estadao de S.Paulo

14 de agosto de 2009 | 00h00

O Corinthians sonhava com Riquelme e Tevez no ano de seu centenário. Terá o "novo Messi". Matías Defederico, de 20 anos, é apontado na Argentina como futuro craque. Para ter o meia-atacante do Huracán, que deve chegar ao Parque São Jorge na segunda-feira, o Alvinegro vai desembolsar cerca de US$ 4 milhões (R$ 7,2 milhões) por 80% de seus direitos federativos. Os outros 20% seguirão nas mãos de Alejandro Gómez, o empresário do jogador. Acesse o canal especial e veja mais notícias do Brasileirão"A negociação está dentro do que o Corinthians pode dispor. E o jogador parece ser uma potência que pode explodir no futebol. Esperamos que dê certo", disse o diretor de futebol do Corinthians, Mário Gobbi. "Estamos indo atrás dele porque cremos que se encaixe perfeitamente nos nossos planos. Fizemos uma proposta ao Huracán (vice-campeão do Apertura) e a seu empresário, e estamos no aguardo de uma resposta para ver se podemos anunciá-lo."Na verdade, o negócio entre jogador e clubes está sacramentado. O Corinthians vai pagar em parcelas aos argentinos e deu, como garantia financeira, os R$ 16,5 milhões de que tem direito de receber da parceira Nike. O contrato será de três anos, mas é pouco provável que seja cumprido integralmente. Defederico está tirando passaporte italiano e deve, em breve, jogar na Europa. Viria para disputar o restante do Campeonato Brasileiro e a Libertadores.A contratação seria mais uma jogada de marketing do clube. Luís Paulo Rosemberg, diretor de marketing, é quem está tratando da negociação, com o advogado Mario Vaizman, representante do Huracán.Defederico já defendeu as categorias de base da seleção argentina e chegará sob o aval do técnico Mano Menezes. "É um bom jogador, um meia mesmo, de velocidade, que pode participar da formação que tínhamos", atestou o treinador. "A gente sempre busca esses jogadores no mercado argentino, que oferece atletas com essas características."LISTA É GRANDEAlém de Matías Defederico, o Corinthians busca outros reforços para evitar entrar em crise - no Brasileiro não vence há cinco rodadas. Uma sondagem sobre o volante Vera, da LDU, foi confirmada por Gobbi, que ainda esteve em Barueri, na quarta-feira, para tratar o acerto com o atacante Fernandinho. "Ele nos interessa. Conversei com o procurador dele (Rubens Furlan, prefeito da cidade), fiz uma proposta de salários e de contrato de três anos. Ficamos de encontrar um parceiro que queira ajudar na transação."O contrato de Fernandinho terminou na terça-feira. Ele tem duas propostas da Europa - os valores foram passados para a direção do Alvinegro. Um parceiro bancaria metade do investimento. "Se acertamos, ele ficaria até dezembro no Barueri e chegaria (ao Corinthians) em janeiro." Sylvinho também pode chegar. O lateral assinou uma procuração dando preferência ao futebol europeu até o dia 20. Depois, ficaria livre para acertar com o Alvinegro. Sobre Vágner Love, do CSKA, Gobbi disse não passar de especulação. E tratou Riquelme, do Boca Juniors, como um sonho que pode se tornar realidade. E ainda aproveitou para descartar o atacante tricolor Borges.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.