Corinthians traz Cássio e vai emprestar Renan

Ex-goleiro de Grêmio e PSV chega para fazer 'sombra' a Júlio César; diretoria admite interesse pelo argentino Montillo

VÍTOR MARQUES, O Estado de S.Paulo

10 de dezembro de 2011 | 03h03

O Corinthians decidiu de uma só vez contratar um goleiro e se desfazer de outro. Chega Cássio, do PSV, e sai Renan. Júlio César continua no clube e com status de titular após a conquista do título brasileiro.

A busca por mais um goleiro começou quando a diretoria entendeu que era melhor emprestar Renan, de 19 anos. A decisão foi passada ao técnico Tite, que elaborou uma lista de reforços, e, entre os nomes que sugeriu, estava o de Cássio, que defendeu o Grêmio.

O Corinthians se animou porque Cássio é novo (tem 24 anos) e veio a custo zero, já que tinha contrato até setembro com o clube holandês. O ex-gremista já fez exames médicos e foi aprovado, mesmo sem ter o contrato firmado com o Corinthians.

"Faltam pequenos detalhes, como tempo de contrato, para podermos anunciá-lo como jogador do Corinthians", disse o diretor de futebol, Roberto de Andrade.

O contrato deve ser assinado na semana que vem e o novo goleiro será apresentado em janeiro, quando o clube retorna aos treinos para o Campeonato Paulista e a Libertadores. "Como o Renan vai ser emprestado, precisamos de três goleiros no elenco", disse o dirigente.

Júlio César será o titular, e agora terá a sombra de um goleiro que possa roubar seu lugar. Danilo Fernandes, formado no clube, será o segundo reserva.

Nesta troca de goleiros, a única exigência que o Corinthians fez foi emprestar Renan para um clube de Série A. A diretoria espera que ele jogue numa grande equipe, ganhe experiência e volte em 2013.

Mais reforços Roberto de Andrade disse que o clube ainda busca mais três jogadores para reforçar o time na próxima temporada. Ele admite que Montillo interessa, mas que o valor pedido pelo Cruzeiro (R$ 24 milhões) torna a negociação inviável. O empresário do jogador, Sergio Irigoitia, disse que o Corinthians foi o único time a fazer proposta oficial pelo meia, que tem interesse em jogar a Libertadores. Todos acreditam que o valor seja um blefe dos mineiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.