Craque santista passou por cerca de 50 testes pré Uefa

Neymar se submeteu a pelo menos 50 exames exigidos pela União Europeia de Futebol Associado (Uefa). A bateria teve desde histórico de saúde da família do jogador até testes de HIV, seguindo exigências do Artigo 18 do regulamento da Uefa para transferências de atletas. Apenas com a liberação dos médicos, com base nos resultados dos exames pré Uefa, um clube pode contratar um jogador. Por isso o Real Madrid não perdeu tempo e acompanhou de perto as 4 horas de Neymar em uma clínica e depois no Hospital São Luiz, na madrugada de sexta para sábado, como informou o Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.