CRB vence o Criciúma por 2 a 1 e acaba com jejum na Série B do Brasileiro

O CRB reencontrou o caminho das vitórias nesta sexta-feira ao vencer o Criciúma por 2 a 1, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Em duas oportunidades a trave salvou o time alagoano, que encerrou um jejum que durava desde o dia 14 de maio.

Estadão Conteúdo

27 de maio de 2016 | 21h52

Antes desta partida, o CRB só havia vencido o Londrina por 1 a 0, na estreia da Série B. Depois, perdeu para Ceará e Oeste, além de ter empatado com o Vasco - este último jogo foi válido pela Copa do Brasil. Com seis pontos, o time alagoano está na zona intermediária da tabela de classificação e se aproximou do Criciúma, que conheceu a primeira derrota e estacionou nos sete, perdendo a chance de assumir a liderança de forma provisória.

Após um início sem muitos lances de perigo, o jogo ganhou em intensidade na segunda metade do primeiro tempo. Neto Baiano cabeceou e exigiu grande defesa de Luiz, que espalmou a bola no travessão. Depois foi a vez de Raphael Silva fazer Juliano trabalhar. Aos 29 minutos, Dakson lançou Luidy, que dominou no peito, invadiu a área e estufou as redes, abrindo o placar para o CRB. O Criciúma ainda empatou com Diego Giaretta, mas a arbitragem assinalou impedimento do zagueiro.

Depois de quase levar o gol de empate aos dois minutos do segundo tempo - Juliano e a trave salvaram após cabeçada de Nathan -, o CRB ampliou com o zagueiro Flávio Boaventura aos 36 minutos. Ele aproveitou rebote e soltou a bomba sem chances para Luiz. De tanto pressionar, o Criciúma diminuiu aos 44 com Élvis, de pênalti. No entanto, não teve tempo para mais nada.

Os dois times entram em campo na próxima terça-feira pela quinta rodada. O CRB enfrenta o Vila Nova, às 19h15, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, enquanto que o Criciúma faz o duelo catarinense contra o Avaí, no mesmo horário, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC).

FICHA TÉCNICA

CRB 2 x 1 CRICIÚMA

CRB - Juliano; Marcos Martins, Adalberto, Flávio Boaventura e Diego; Olívio, Galdezani, Dakson (Bocão) e Gerson Magrão (Wigor); Luidy (Rodolfo) e Neto Baiano. Técnico: Mazola Júnior.

CRICIÚMA - Luiz; Ezequiel, Raphael Silva, Nathan e Diego Giareta (Roberto); Barreto (Alex Maranhão), Douglas Moreira, Juninho (Gabriel Leite) e Elvis; Gustavo e Niltinho. Técnico: Roberto Cavalo.

GOLS - Luidy, aos 29 minutos do primeiro tempo; Flávio Boaventura, aos 36, e Elvis (pênalti), aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Matheus Galdezani, Luidy, Adalberto, Juliano e Dakson (CRB); Ezequiel (Criciúma).

ÁRBITRO - Felipe Duarte Varejão (ES).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.