Divulgação
Divulgação

Criança vestida de Darth Vader em anúncio do Super Bowl vira celebridade

Max Page, de seis anos, nasceu com problema cardíaco e teve um marca-passo implantado

EFE,

08 de fevereiro de 2011 | 22h50

NOVA YORK - O menino vestido de Darth Vader no anúncio exibido no domingo durante a final do Super Bowl XLV, vencido pelo Green Bay Packers, se transformou no grande vencedor da competição e, apesar de não ter visto o filme Star Wars, acaba de conhecer James Earl Jones, responsável pela voz do grande vilão da saga intergaláctica.

"Meu pai me disse que sou a estrela do momento", declarou nesta terça-feira à rede CNN o próprio Max Page, um loirinho de seis anos nascido na Califórnia que acaba de chegar a Nova York para percorrer alguns dos sets mais cobiçados da televisão americana.

Page "é o menino que roubou a cena do Super Bowl e o coração dos Estados Unidos", garantiu nesta terça-feira à rede ABC sobre o pequeno ator, que se transformou da noite para o dia em uma estrela.

O salto à fama ocorreu graças a um anúncio da Volkswagen no qual nem sequer é possível ver seu rosto, já que aparece o tempo todo com as vestimentas e a máscara de Darth Vader, tentando sem sucesso manipular "a Força", até que finalmente o carro de seu pai "responde aos seus comandos".

O anúncio foi o mais comentado e mais visto do Super Bowl, um acontecimento esportivo que, além de ser a final da liga de futebol americano, também é o maior cenário do ano para os anunciantes, que apresentam nessa época suas apostas mais ambiciosas.

Com 30 segundos custando US$ 3 milhões, as agências de publicidade sonham em conseguir que o anúncio se transforme no mais comentado e emblemático de uma noite que fez história ao reunir mais de 111 milhões de espectadores, somente nos EUA.

A história de Page comoveu os americanos. O garoto nasceu com problema cardíaco e aos três meses teve implantado um marca-passo. Na terça-feira à noite o menino foi convidado a ir ao teatro da Broadway para que conhecesse James Earl Jones, a voz de Darth Vader na galáctica saga, em uma pausa em seu périplo pelos sets mais cobiçados da televisão, incluindo "American Morning" da CNN e Today Show da NBC.

Sua mãe explicava nesta terça-feira em um desses locais que sua intenção não é tornar o menino famoso, que tem certa semelhança física com Anakin Skywalker quando criança - quem depois se transforma em Darth Vader -, mas conseguir que aproveite bem a infância.

Medições da empresa Ace Metrix sobre o impacto dos anúncios, o estrelado pelo garoto foi o mais eficaz dos 19 exibidos pelas empresas automobilísticas durante o jogo de domingo.

"Foi um sucesso entre todos os grupos demográficos, com a adequada combinação de simpatia, facilidade de interpretação e ternura", explicou em comunicado seu executivo-chefe, Peter Daboll, quem reconheceu que, após a crise vivida pelo setor automobilístico, este ano "o Super Bowl se transformou claramente no Auto Bowl"

Veja também:

linkPackers campeão do Super Bowl XLV

link Quarterback dos Packers entra para a galeria dos MVP do futebol americano

link Assentos inseguros deixam torcedores indignados no Super Bowl

link Super Bowl XLV fica perto da melhor marca de público

video Assista aos comerciais do Super Bowl XLV

mais imagens GALERIA - Fotos da final no Cowboys Stadium

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.