Odd ANDERSEN / AFP
Odd ANDERSEN / AFP

Cristiano Ronaldo será inspiração para novo técnico do Manchester United

Ralf Rangnick estará pela primeira vez na beirada do campo na partida contra o Crystal Palace, no domingo, pelo Inglês

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de dezembro de 2021 | 11h05

O técnico Ralf Rangnick já está com o visto de trabalho liberado na Inglaterra e pronto para estrear no Manchester United. Diante do Crystal Palace, no domingo, o treinador estará pela primeira vez na beirada do campo. Em sua primeira entrevista coletiva, nesta sexta-feira, o alemão revelou que moldará o time ao estilo de Cristiano Ronaldo. Também não quer mais saber de ver a equipe sofrendo tantos gols e sendo constantemente ameaçada como nos jogos da Liga dos Campeões e mesmo nos 3 a 2 diante do Arsenal desta quinta-feira.

"É sempre necessário adaptar o estilo de jogo aos jogadores disponíveis e não o contrário. Vi o Cristiano (Ronaldo) ontem no segundo tempo, com 36 anos, um excelente profissional. Com a idade dele, nunca vi um jogador tão em forma", elogiou. "Ainda é um jogador que pode facilmente fazer a diferença. Vamos ver como podemos desenvolver a equipe, precisamos de todos, e pelo que vi ele pode dar toda contribuição."

O português ajudou o United a buscar a virada para 3 a 2 e, com dois gols, agora soma 801 na carreira. Deixá-lo em condições de sempre decidir e não sacrificá-lo em campo é uma missão de Rangnick. O astro não vinha jogando com liberdade no comando de Solskjaer, estava desanimado, e agora vai receber tal privilégio.

"Cristiano Ronaldo está pronto para fazer de tudo pela equipe. Ele já tem 36 anos, mas continua numa forma física incrível. Eu nunca vi isso antes no futebol", endossou o técnico.

Mostrando-se um estudioso do futebol, Rangnick quer modificar muitas coisas no United. "Assisti aos jogos do Manchester United contra Watford, Chelsea, Liverpool e Manchester City. Estou bastante familiarizado com o que está acontecendo no clube", garantiu. "O jogo de ontem (quinta-feira) foi emocionante para os torcedores, mas como treinador não é o tipo de jogo que gostaria de ver todas as semanas".

O treinador quer modificar a equipe com as peças que tem e até descartou a chegada de possíveis reforços. "Não falamos sobre novos jogadores. Agora é a hora de conhecer o time atual em detalhes, o time definitivamente não é muito pequeno. Há jogadores suficientes."

O Manchester United está apenas na sétima posição no Campeonato Inglês, com seis vitórias, três empates e cinco derrotas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.