Curitiba amplia divulgação dos Jogos

Os organizadores da 7ª edição dos Jogos Sul-Americanos em Curitiba intensificaram esta semana o trabalho de propaganda para que os paranaenses prestigiem os atletas de canoagem, ciclismo e ginástica artística e rítmica, cujas competições serão realizadas na capital paranaense. "A cidade vai se consolidar como ligada a essas atividades esportivas", acredita o diretor regional do comitê organizador e secretário municipal de Esporte e Lazer, Fernando Guedes. "A população está despertando", disse.O coordenador técnico regional dos jogos, Emílio Trautwein, disse que o trabalho de marketing estava um pouco parado, em razão da escassez de tempo para preparar os locais de competição. "Tivemos dois meses para desenvolver o que demora dois anos", alegou. Segundo ele, nestes últimos dias o trabalho de divulgação está sendo intensificado nas universidades. Algumas faixas deveriam começar a ser colocadas nesta terça pela cidade, assim como a distribuição de 20 mil folhetos.Entre atletas e comissões técnicas, Curitiba estará abrigando cerca de 430 pessoas de 10 países. Outras 680 pessoas estão envolvidas na organização. Para as reformas e adaptações do velódromo, raia de canoagem e ginásio do Tarumã foi aplicado R$ 1 milhão, em parceria da prefeitura com o governo federal. "Os equipamentos, muitos deles importados, continuarão para ajudar a fortalecer o esporte na cidade", afirmou o secretário. Futuro - A exposição internacional da cidade também está sendo aplaudida pelos organizadores. Com isso, Curitiba também começa a se preparar para ser uma possível sede de Olimpíada, caso o Brasil se habilite a trazê-la."Num primeiro momento, vê-se que São Paulo e Rio de Janeiro estão mais preparados para sediá-la, mas há uma tendência de dividir em subsedes", disse Guedes. Ele afirmou que já está com o manual das exigências do Comitê Olímpico Internacional. "Demanda investimentos, mas estamos unidos para nos preparar." Locais de provas - A canoagem abre os Jogos em Curitiba, com as primeiras provas sendo realizadas na manhã de sábado na raia olímpica do Parque Regional do Iguaçu, que é considerada uma das melhores da América Latina. As provas de ciclismo começam no domingo, com a disputa de pista no velódromo construído no Jardim Botânico. Para as provas de estrada e contra relógio, entre os dias 9 e 11, foi destinado um trecho da BR-277, enquanto o Parque Barigüi abrigará o mountain bike. As apresentações de ginástica rítmica e de ginástica artística serão realizadas nos dias 10 e 11 no Ginásio do Tarumã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.