Dagoberto celebra com gols momento pessoal de alegria

Atacante são-paulino vai ser pai pela segunda vez e vive boa fase de novo após ter saída do clube cogitada no ano passado

, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2011 | 00h00

Dagoberto é o tipo de jogador que passa por estremecimentos com a torcida, dirigentes e até companheiros com alguma frequência, mas, quando está tranquilo, dá retorno para o clube. Este é o seu momento no São Paulo. O atacante tem sido o jogador mais importante da equipe no início do Campeonato Paulista. É o artilheiro tricolor com os três gols marcados nos primeiros quatro jogos da temporada.

Parte significativa de sua boa fase, Dagoberto atribui ao ótimo momento pessoal: a mulher Thaysa está grávida do segundo filho do casal. "Tracei muitas metas para este ano e estou me sentindo feliz", afirma o atacante, que já é pai da pequena Thayná."Quero jogar futebol com alegria, sem aquela pressão. Quando você está relaxado, as coisas acabam acontecendo naturalmente. O São Paulo está acima de tudo. Quando ganha, todo mundo fica feliz. Quando os gols saem, tudo fica ainda melhor."

Mas não faz muito tempo que Dagoberto viveu o seu momento mais difícil com a camisa do São Paulo. Após a eliminação para o Internacional, nas semifinais da Taça Libertadores, em agosto, o jogador foi afastado da equipe pelo então técnico Sérgio Baresi - a pedido da diretoria, que queria negociá-lo. Ainda foi envolvido em rumores de que havia desafiado a liderança de Rogério Ceni. A torcida protestou, pediu sua volta e, aos poucos, Baresi foi obrigado a colocá-lo na equipe.

A chegada de Paulo César Carpegiani, em outubro, selou seu retorno definitivo. O treinador considera Dagoberto um dos jogadores mais técnicos do plantel time. "Ele é um atacante diferenciado. Tem a qualidade de definir um jogo", diz o técnico. Foi o que ocorreu contra o Americana, quando marcou dois gols na vitória por 4 a 3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.