Divulgação - Ricardo Bufolin/CBG
Divulgação - Ricardo Bufolin/CBG

Daniele Hypólito mostra confiança para o Mundial de Ginástica

A brasileira competirá nas barras paralelas e na trave

AE, Agência Estado

25 de setembro de 2013 | 13h37

SÃO PAULO - A brasileira Daniele Hypólito embarcou para Antuérpia, Bélgica, onde a partir da próxima segunda-feira vai disputar o Mundial de Ginástica Artística. Mesmo sem  resultados expressivos nos últimos tempos, a ginasta se apoia no passado de sucesso no país europeu para chegar confiante à competição. "É muito bom voltar à Bélgica, onde ganhei minha primeira medalha de destaque internacional, em 2001. Espero fazer boas apresentações e voltar para o Brasil com bons resultados", declarou Daniele, que conquistou a medalha de prata no solo no Mundial de 2001, na cidade de Gent - a primeira que o Brasil ganhou num Mundial.

Veterana aos 29 anos, Daniele competirá nas barras paralelas e na trave neste Mundial. Apesar de guardar boas recordações da medalha conquistada há 12 anos no solo, é na trave que a brasileira tem mais chances de conseguir um bom resultado. Pelo menos foi o que garantiu Elaine Martins, coordenadora do Centro de Excelência de Ginástica (Cegin), em Curitiba, onde a ginasta treina. "Entre as duas provas que a Daniele Hypólito competirá na Bélgica, acredito que ela tem maiores chances de obter bom resultado na trave. Ela vem treinando muito bem nesse aparelho. Porém, cabe ressaltar que o nível das competidoras será altíssimo, com duas fases qualificatórias muito difíceis", disse.

Nesta terça-feira, Daniele Letícia Costa se juntaram aos atletas da seleção masculina: Arthur Nory, Diego Hypólito, Francisco Barreto Júnior, Péricles da Silva e Sérgio Sasaki, que estavam treinando na Alemanha, e o campeão olímpico nas argolas Arthur Zanetti, que se preparava no Brasil.

A competição termina no próximo domingo.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.