De olho na Libertadores, Atlético-MG irá com reservas para encarar o Santos

Entre um duelo e outro pelas quartas de final da Copa Libertadores, o Atlético Mineiro tem a estreia no Campeonato Brasileiro. Preocupado em reverter a derrota por 1 a 0 para o São Paulo, fora de casa, no torneio continental, o time alvinegro deverá entrar em campo com uma formação reserva na partida deste sábado, às 18h30, contra o Santos, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

14 de maio de 2016 | 07h30

O técnico uruguaio Diego Aguirre não poderá contar com Júnior Urso e Rafael Carioca, que estão suspensos. Também é improvável a presença de Robinho, que foi substituído ainda no primeiro tempo do jogo da última quarta-feira após sentir uma fisgada na coxa esquerda. Além disso, o treinador anunciou que poupará alguns titulares.

No meio de campo, Eduardo e Lucas Cândido brigam pela vaga de Júnior Urso. Patric deve ganhar o lugar de Rafael Carioca. Sem os principais jogadores, o meia Carlos Eduardo deve ter a oportunidade de fazer a sua estreia na equipe. "Fica a expectativa. Todo mundo sabe que o Brasileiro é muito importante, estou treinando forte para chegar a um bom nível e estar preparado para essa estreia. Claro que bate uma ansiedade, mas estou tranquilo", comentou o jogador.

Vice-campeão da última edição do Nacional, o Atlético começa a atual competição como um dos fortes candidatos ao título, já que a diretoria conseguiu manter a base do elenco e trouxe reforços como os atacantes Clayton, Hyuri e Robinho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.