Deivid vai ter de se virar sem Ronaldinho Gaúcho

Em casa e desfalcado de seu principal jogador, Luxemburgo aposta no vice-artilheiro contra o Atlético-GO

Leonardo Maia, O Estado de S.Paulo

18 de agosto de 2011 | 00h00

Sem Ronaldinho Gaúcho, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o Flamengo recebe o Atlético-GO, com a obrigação de vencer para continuar colado no Corinthians. O problema de Vanderlei Luxemburgo é que o time pode sentir a fala de Gaúcho.

Além dos nove gols, o meia é o homem das assistências. Dos 12 gols nos últimos seis encontros (contando um pela Sul-Americana), Ronaldinho contribuiu com cinco e ainda deu cinco assistências. Sem ele fica mais difícil para que Deivid, o vice-artilheiro do time com oito gols, mantenha o bom rendimento.

Ele sabe que sua missão de finalizar as jogadas se torna ainda mais importante. Ao mesmo tempo entende que sem os passes do Gaúcho vai precisar se desdobrar.

"O retrospecto sem o Ronaldo não é favorável (três empates e uma vitória), mas temos elenco e não podemos depender apenas dele. Tenho como meta pessoal ser artilheiro, mas o principal é a vitória", disse o atacante.

A novidade vai ser a estreia de Alex Silva. O zagueiro está liberado e Luxemburgo adiantou que a intenção é lançá-lo numa trinca de defensores com Welinton e Ronaldo Angelim. Talvez preocupação um tanto excessiva contra o pior ataque da competição, jogando no Rio.

Outra ausência importante vai ser Renato, também suspenso ao receber o terceiro cartão amarelo aplicado por Heber Roberto Lopes, que gerou muito protesto no clube durante os últimos dias. Bottinelli entra no lugar de Renato.

No Atlético-GO, o treinador Hélio dos Anjos faz a sua estreia. Ele aposta na forte marcação. "A ideia é recuperar a bola e sair rápido para os contra-ataques", diz Thiago Feltri. "Mesmo sem Ronaldinho não é razão para acreditar em jogo fácil."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.