Desfibrilador salva jogador a 2.ª Divisão

MADRI

, O Estado de S.Paulo

25 de outubro de 2010 | 00h00

Faltou pouco para que o futebol espanhol não vivesse uma tragédia na manhã de ontem. Miguel García, de 31 anos, volante do Salamanca, sofreu uma parada cardíaca durante o jogo contra o Bétis, pela 2.ª Divisão. Reanimado ainda no campo com o auxílio de um desfibrilador, o jogador se recuperou mais tarde no hospital.

Pela 1.ª Divisão, o Sevilla venceu o Athletic Bilbao por 4 a 3, com 2 gols de Luís Fabiano. Já o Villarreal bateu o Atlético de Madrid por 2 a 0 e se manteve na vice-liderança, a 1 ponto do líder Real Madrid (20 a 19).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.