Desmanche no Palmeiras altera projeto de Luxemburgo

Treinador planejava manter a base para 2009, mas terá de construir uma nova equipe

Daniel Akstein Batista, O Estadao de S.Paulo

11 de dezembro de 2008 | 00h00

"O time campeão de 1993 e 1994 começou a ser construído um ano antes." A frase adotada por Vanderlei Luxemburgo foi utilizada em várias ocasiões durante a temporada, principalmente para explicar alguns tropeços e a perda do título brasileiro. Se o treinador imaginava manter a base de 2008 para o ano que vem, vai ter de mudar de idéia. O Palmeiras da próxima temporada terá caras novas - muitos dos rostos antigos já disseram adeus.Dos 14 jogadores que estiveram em campo na partida decisiva do Paulista, contra a Ponte Preta, em 4 de maio, apenas quatro estão praticamente garantidos para o próximo Estadual: o goleiro Marcos, o zagueiro Gustavo, o volante Pierre e o meia Diego Souza. O clube já perdeu Diego Cavalieri, Henrique e Valdivia durante o Brasileiro. Nos últimos dias, Élder Granja, Martinez e Denilson já disseram que vão procurar casa nova em 2009.Dos outros jogadores que estão com o contrato no fim, apenas Kléber deve ficar. Mesmo assim, a negociação com o Dínamo de Kiev, que pede US$ 8 milhões pelo atacante, está complicada. "Estamos nos esforçando para conseguir levantar o dinheiro", explica Genaro Marino, diretor de futebol.Se o Palmeiras se esforça para fechar com Kléber, a história com Alex Mineiro e Leandro é diferente. "Acho difícil ele permanecer conosco", diz o cartola sobre o lateral-esquerdo, cujos direitos pertencem ao Porto. Em relação ao atacante, propostas do Japão, da Arábia e outras duas do futebol brasileiro competem com a do Palmeiras. E, como o clube paulista já garantiu Keirrison para 2009, as chances de renovar com Alex Mineiro diminuíram.A diretoria se reuniu com Luxemburgo ontem para definir detalhadamente os planos do ano que vem. O que a cúpula alviverde não concorda é que o time se desmanchou e que o trabalho terá de começar do zero. "Em termos de números, houve, sim, muitas mudanças, mas não em termos de representatividade", declara Marino. "O eixo foi mantido e a estrutura ainda está boa. Com os atletas que estão vindo vamos ter um time ainda melhor."Além de Keirrison, os meias Cleiton Xavier e Marquinhos já estão confirmados. Já o meia Carlinhos Paraíba e o zagueiro Danilo podem ser anunciados até sexta-feira. Um outro zagueiro, mais um volante e dois laterais fazem parte do plano alviverde para o próximo ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.