Deu a lógica: Brasil decide com a Espanha

Após 50 jogos, o mundo do futsal descobriu o que já sabia: Brasil e Espanha são, de fato, as duas melhores equipes da modalidade, e disputarão amanhã em Bangcoc o título da sexta edição do Mundial da Fifa.

O Estado de S.Paulo

17 de novembro de 2012 | 02h04

O Brasil venceu as três primeiras edições (89, 92 e 96). A Espanha foi bicampeã (2000 e 2004) e o Brasil retomou a taça na edição anterior, com final no Rio, em 2008, derrotando o grande rival apenas nos pênaltis.

Para chegar à decisão,o Brasil superou a Colômbia por 3 a 1, e a Espanha goleou a Itália (4 a 1).

Estreante em Mundiais, a Colômbia deu trabalho ao Brasil. Logo aos 41 segundos de jogo, Gabriel abriu o placar. Mas Toro empatou aos 18 minutos do primeiro tempo e o time se fechou na defesa.

Falcão, herói da vitória sobre a Argentina nas quartas, teve participação discreta ontem. Gabriel é que desempatou, aos sete do segundo tempo. O ala, que havia marcado só um gol nos cinco jogos anteriores, desencantou. "Estou contente por ter ajudado, mas a gente sabe que todo o time tem de participar para sair o gol". No minuto seguinte, Toro fez contra, ampliando a vantagem brasileira para 3 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.