Diego Hypólito se machuca e fica só em sexto no solo

O ginasta brasileiro Diego Hypólito caiu na última série de sua apresentação na final da prova de solo e ficou apenas com a sexta colocação do aparelho na Copa do Mundo de Ginástica, disputado em Paris, na França. Ele chegou a torcer o tornozelo no salto final e somou 14,925 pontos. A medalha de ouro ficou com o romeno Marian Dragulesco, com 15.875 pontos. O chinês Kai Zou com 15,575, e o francês Gael da Silva, com 15,300, completaram o pódio. No último salto da seqüência acrobática final de sua apresentação, Diego caiu de mal jeito e torceu o tornozelo. Sem condições de continuar, ele saiu mancando da arena e se lamentou, pois fazia uma boa apresentação até o momento da contusão. Logo no primeiro salto, o brasileiro executou com perfeição a grande novidade de sua série: um duplo twist grupado com pirueta no segundo mortal, que será chamado de ´hypólito´. Jade fica em quarto no saltoA promissora Jade Barbosa ficou próxima de um pódio na prova de saltos na etapa de Paris da Copa do Mundode Ginástica, terminando na quarta colocação. Já na final das barras assimétricas, a ginasta teve problemas e terminou na sétima posição. No salto, Jade somou 14,238 pontos, 87 a menos do que a mexicana Elsa Garcia, que ficou com o bronze. A italiana Carlotta Giovannini terminou na primeira colocação, com 14,875 pontos, seguida da checa Jana Komrskova, com 14,338. Considerada uma das favoritas nas barras assimétricas, Jade escorregou no último movimento e recebeu a nota 13,525 pontos, ficando na sétima posição. A italiana Vanessa Ferrari conquistou medalha de ouro com 15,800 pontos. Ela ficou à frente da ucraniana Dariya Zgoba (14,825) e da canadense Elyse Hopgner-Hibs (14,700).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.