Henning Bagger/EFE
Henning Bagger/EFE

Dinamarca vence Noruega e fatura o Mundial Masculino de Handebol

Dinamarqueses conquistam título com vitória por 31 a 22 sobre noruegueses

Redação, Estadão Conteúdo

27 de janeiro de 2019 | 19h01

A Dinamarca conquistou neste domingo o título do Mundial Masculino de Handebol. Atuando em casa, com o apoio da sua torcida no ginásio Jyske Bank Boxen, em Herning, a equipe dominou a Noruega e triunfou, até com certa facilidade, por 31 a 22, na grande decisão.

A final começou a ser decidida pela Dinamarca no primeiro tempo, quando a equipe exibiu bom rendimento na defesa e no ataque, indo ao intervalo com uma confortável vantagem de 18 a 11. A etapa final da decisão foi mais equilibrada, mas ainda assim os dinamarqueses conseguiram ampliar o placar, fechado em 31 a 22.

Mikkel Hansen foi o principal destaque dinamarquês na decisão ao marcar sete gols, mas o artilheiro do duelo acabou sendo o norueguês Magnus Jondal, que fez nove. E o triunfo deste domingo selou uma campanha perfeita da Dinamarca no Mundial de Handebol, com vitórias nos 12 jogos que disputou.

Também neste domingo, a França, que era a atual bicampeã mundial, com os títulos conquistados em 2015 e 2017, assegurou o terceiro lugar ao vencer a Alemanha, a outra anfitriã da competição, por 26 a 25, também em Herning. Para isso, conseguiu uma virada incrível, pois foi ao intervalo perdendo por 13 a 9.

A seleção brasileira fechou o Mundial em nono lugar, no seu melhor desempenho na história do Mundial. Na competição, a equipe conseguiu cinco vitórias (contra Sérvia, Rússia, o time unificado das Coreias, Croácia e Islândia) e teve três derrotas (França, Alemanha e Espanha).

 

 

Mais conteúdo sobre:
handebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.