Diretoria decide ficar em São Paulo, mas fecha treinos

Após conversa entre o gerente de futebol do Palmeiras, César Sampaio, e o técnico Gilson Kleina, ficou decidido que a equipe vai permanecer em São Paulo durante a semana, mas treinará hoje e amanhã com os portões fechados, sem a presença da imprensa. A outra possibilidade do time era treinar em Itu.

O Estado de S.Paulo

14 de novembro de 2012 | 02h04

Ontem, na reapresentação, mais problemas. Além de perder João Denoni (luxação na clavícula) e a possibilidade de perder Correa (lesão na panturrilha esquerda), Henrique (trauma na costela) e Patrick Vieira (entorse no tornozelo esquerdo), Wesley se apresentou com uma lesão na coxa esquerda e, assim como os demais jogadores, pode desfalcar o time contra o Flamengo. / D.B.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.