Dirigente espera Austrália em 5.º no quadro de medalhas

A delegação da Austrália está bastante otimista para a disputa dos Jogos Olímpicos de Londres. Segundo Craig Phillips, secretário-geral da equipe, a intenção é mais uma vez marcar presença entre os principais países no quadro de medalhas. "Queremos estar entre os cinco melhores em relação à quantidade de medalhas de ouro e também no geral", diz.

PAULO FAVERO, Agência Estado

22 de julho de 2012 | 16h02

Em Pequim, os australianos conseguiram acabar a competição na quinta posição no quadro geral, mas na quantidade de medalhas de ouro a colocação foi o sexto lugar. Os atletas do país subiram 46 vezes ao pódio e levaram 14 medalhas de ouro, 15 de prata e 17 de bronze. A Alemanha obteve 15 medalhas de ouro e ficou à frente dos australianos.

Agora, a grande aposta da Austrália para superar a Alemanha é na natação, prova que tem James Magnussen como grande estrela. O concorrente do brasileiro Cesar Cielo é um dos candidatos ao ouro nos 100 metros livre. O basquete feminino também conta com uma seleção muito forte e que deve brigar pelo lugar mais alto do pódio em Londres.

Além da boa exibição neste ano, a Austrália já projeta uma boa campanha também no Rio, nos Jogos de 2016. Craig Phillips admite que os atletas estão ansiosos para conhecer de perto a cidade brasileira. "Vamos ter muita diversão no Rio, tenho certeza disso. É uma cidade que não conheço, mas que parece ser muito interessante", conclui o dirigente.

Tudo o que sabemos sobre:
OlimpíadaAustrália

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.