Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Disney usa a Volvo para divulgar filme

A regata de volta ao mundo Volvo Ocean Race, a partir de novembro, será usada pela Walt Disney Company para divulgar o filme Piratas do Caribe 2 - o ator Johnny Depp, que fez o capitão Jack Sparrow no primeiro filme, deverá estar no Rio, em março de 2006, na parada da perna que largará em Melbourne (AUS). O barco da equipe Piratas, com o cartaz do filme nas velas, será comandado por Paul Cayard, um dos velejadores mais experientes do mundo em regata oceânica, que terá a ajuda de John Kostecki, campeão da última edição da Volvo com o veleiro alemão Ilbruck. Hoje, em São Paulo, o velejador Robert Scheidt, bicampeão olímpico e heptacampeão mundial da classe Laser, porta-voz da prova no País, anunciou que a regata terá sete veleiros: Piratas do Caribe (EUA), ABN1 e ABN2 (Holanda), Ericsson Racing Team (Suécia), Premier Challenge (Austrália), Movistar (Espanha) e, pela primeira vez na história da regata, um barco de bandeira brasileira, o Brasil 1, com Torben Grael. A Volvo Ocean Race terá oito meses de duração. Os barcos, com tecnologia avançada, serão ainda mais velozes do que na última edição de 2002. "Cada barco terá sete câmeras. Como num big brother, vai dar para acompanhar o regime espartano que os velejadores enfrentam: dormem em turnos de quatro horas, comem alimento desidratado, tomam banho com água do mar, usam roupa limpa a cada dez dias... Vão viver os melhores e piores momentos de suas vidas. Estão lá para serem rápidos, ganharem a volta ao mundo, não fazerem a volta ao mundo", diz Scheidt.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.