Dokic diz que voltará a jogar grandes torneios

A eliminação nas quartas-de-final do Aberto da Austrália não foi o fim do mundo para Jelena Dokic. A tenista australiana, que não disputava um Grand Slam desde 2006 e só jogou desta vez graças a um convite dos organizadores, saiu satisfeita com seu desempenho no torneio e prometeu voltar a disputar os principais torneios da WTA neste ano, depois de jogar challengers e futures em 2008."Não há porque ficar desapontada. Foi um grande começo, joguei três sets contra a número 3 do mundo e não poderia esperar nada melhor do que aconteceu aqui", afirmou a tenista de 25 anos, que enfrentou uma grave crise de depressão e precisou superar problemas de relacionamento com seu pai, que ficou conhecido no circuito por brigas com juízes e torcedores, e hoje não tem mais contato com ela.Dokic começou o Aberto da Austrália em 187º lugar no ranking da WTA, e deve ficar entre as 90 primeiras com os 500 pontos pela chegada às quartas-de-final. "Ainda não estou na minha melhor forma, nem teria como depois de três anos sem jogar, pois nada substitui os jogos. Foi um grande feito, mas ainda tenho muito para me desenvolver novamente, preciso de consistência."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.