Don King quer US$ 2,5 bilhões da ESPN

O empresário Don King, que comanda a carreira dos principais nomes do boxe mundial, está processando o canal ESPN em US$ 2,5 bilhões. A ação foi apresentada em Broward, perto de Miami, nos Estados Unidos, por causa do programa ?Sports Century?, exibido em maio passado. Segundo Willie Grady, advogado de Don King, seu cliente foi chamado de ?caloteiro e assassino?. O empresário já cumpriu pena por assassinato e foi processado inúmeras vezes por boxeadores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.