Duda será operada e desfalca seleção de handebol em torneio

Ala se contundiu no duelo com a Tunísia e precisará passar por uma cirurgia no joelho esquerdo; prazo de recuperação é de seis meses

Estadão Conteúdo

29 de novembro de 2014 | 13h33

A Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) confirmou neste sábado que a ala Duda, uma das principais jogadoras da seleção feminina, vai ter que ser submetida a uma cirurgia no joelho esquerdo depois de sofrer lesão em jogo contra a Tunísia, sexta-feira, em torneio amistoso jogado em Málaga.

"Após exame de ressonância magnética realizado em Málaga, na noite de ontem (sexta), foi confirmada a lesão no cruzado anterior do joelho esquerdo, de tratamento cirúrgico. O tempo de recuperação para esses casos é de, aproximadamente, seis meses", diz o boletim médico divulgado pela CBHb e assinado pela médica Pauline Buckley Bittencourt Silva.

Duda é uma das principais jogadoras da atualidade. Ala-esquerda do Gyori ETO, da Hungria, ela é atual bicampeã da Liga dos Campeões da Europa, principal torneio interclubes do mundo, e na edição passada (2013/2014) foi eleita como melhor jogadora da sua posição.

Aos 28 anos, a jogadora terá que correr contra o tempo para se recuperar a tempo de disputar os Jogos Pan-Americanos de Toronto, em julho do ano que vem. A se confirmar o prazo de seis meses de recuperação, não seria problema para disputar o Mundial, na Dinamarca, em dezembro de 2015.

Tudo o que sabemos sobre:
handebolDuda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.