Duelo inglês tem 1.º round hoje

O técnico Arsène Wenger, do Arsenal, promete tática inteligente para surpreender o Manchester United, no duelo de hoje, no Old Trafford, pelas semifinais da Copa dos Campeões. Mesmo sem poder contar com o talentoso russo Arshavin, que já jogou a competição pelo Zenit, de San Petersburgo, e ainda com o artilheiro Robin van Persie machucado, o treinador acena com uma equipe ofensiva. "As regras modernas levam as equipes a serem mais cautelosas em casa e os visitantes a serem mais audaciosos", disse o técnico do Arsenal. "Marcar gols fora é muito importante."Sua linha de raciocínio fica evidente nas palavras do técnico do Manchester, Alex Ferguson. "Ficaria feliz com um 1 a 0. Me encantaria levar esse resultado ao Emirates (estádio do Arsenal)." As dúvidas do Arsenal são o meia Gibbs, com dores no tornozelo, e Silvestre, com problemas físicos. O Manchester não terá Gary Neville, machucado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.