Duplas brasileiras vão às oitavas de final no vôlei de praia

Alison/Bruno Schmidt e Pedro Solberg/Emanuel venceram seus rivais, mas Evandro/Vitor Felipe acabaram eliminados nesta quinta

AE, Agência Estado

17 de julho de 2014 | 17h44

O Brasil conseguiu colocar duas duplas nas oitavas de final da chave masculina do Grand Slam de Haia, etapa holandesa do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. Alison/Bruno Schmidt e Pedro Solberg/Emanuel avançaram na competição, enquanto Evandro e Vitor Felipe acabaram sendo eliminados nesta quinta-feira.

Alison e Bruno Schmidt ganharam os dois jogos desta quinta-feira, contra os casaques Sidorenko e Dyachenko (22/20 e 21/14) e os poloneses Kadziola e Szalankiewicz (por W.O.). E, como já tinha vencido na estreia no dia anterior, avançaram em primeiro lugar do grupo. Agora, enfrentam Walkenhorst/Windscheif (Alemanha) ou Gibb/Patterson (Estados Unidos) nas oitavas de final.

Pedro Solberg e Emanuel, por sua vez, perderam nesta quinta-feira para os poloneses Losiak e Kantor (19/21, 21/18 e 13/15), mas ganharam na sequência dos holandeses Stiekema e Varenhorst (21/15 e 21/17). E, com a vitória do dia anterior, também ficaram na liderança do grupo, avançando para enfrentar agora Nicolai/Lupo (Itália) ou Chevallier/Strasser (Suíça).

Enquanto isso, a outra dupla brasileira em Haia não conseguiu se classificar. Nesta quinta-feira, Evandro e Vitor Felipe perderam para os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt (19/21, 21/14 e 12/15) e nem a vitória sobre os espanhóis Herrera e Gavira (por W.O.) foi capaz de evitar a eliminação precoce - em último lugar do grupo, não foram nem para a repescagem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.