Duplas do País atropelam adversários no vôlei de praia

Juliana e Larissa e Ricardo e Pedro Cunha não tiveram trabalho para vencer a segunda partida seguida na competição

ENVIADO ESPECIAL / LONDRES, O Estado de S.Paulo

31 de julho de 2012 | 03h05

Com um ótimo histórico de medalha em Olimpíadas no vôlei de praia, o Brasil continua fazendo bonito em Londres. Ontem, as duplas Juliana e Larissa e Ricardo e Pedro Cunha não tiveram trabalho para vencer a segunda partida seguida na competição.

As mulheres venceram as alemãs Holtwick e Semmler por 2 a 0 (21/18 e 21/13) e vão disputar amanhã a primeira colocação da chave contra Klapalova e Hajeckova, da República Checa. "Nós realmente queremos chegar à final, mas estamos pensando jogo a jogo, indo passo a passo", disse Juliana.

Já Ricardo e Pedro Cunha passaram pelos britânicos Grotowski e Garcia-Thompson também por 2 a 0 (21/17 e 21/12), em apenas 40 minutos de partida. Nem mesmo a torcida local conseguiu parar a dupla brasileira. "O Ricardo adora disputar partidas desse jeito, mesmo que a torcida seja contra. Por isso ele é uma lenda", disse Pedro Cunha. Na próxima rodada, eles encaram os canadenses Binstock e Reader.

Hoje, às 6h, Alison e Emanuel voltam à quadra para buscar a segunda vitória, diante da dupla da Suíça Heuscher e Bellaguarda, brasileiro naturalizado. E Talita e Maria Elisa, que também venceram na estreia, vão enfrentar as alemãs Goller e Ludwig, às 8h. / P.F.

VÔLEI DE PRAIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.