Duplas olímpicas do Brasil projetam jogos de alto nível em despedida da temporada

As duplas olímpicas do Brasil terão um forte teste a partir desta terça-feira na nova etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia, em Fort Lauderdale, nos Estados Unidos. Garantidos nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no próximo ano, Ágatha/Bárbara Seixas, Larissa/Talita, Alison/Bruno Schmidt e Pedro Solberg/Evandro vão disputar o inédito World Tour Finals, que encerra a temporada 2015.

Estadão Conteúdo

28 de setembro de 2015 | 17h54

A etapa, que faz neste ano sua estreia no calendário, segue o modelo do ATP Finals, do circuito masculino de tênis. Disputam a competição somente as oito melhores duplas da temporada. No caso do World Tour Finals, entram ainda mais duas duplas de cada naipe por convite.

"Será uma experiência incrível, já que estão as duplas mais bem ranqueadas, que se destacaram ao longo da temporada. O nível será muito alto e é ótimo jogar partidas em que você precisa estar no limite da concentração e capacidade técnica. Queremos mostrar a força do voleibol brasileiro", projeta Bruno Schmidt, que lidera o ranking da temporada com Alison.

"É o encerramento de um grande ciclo que contou com momentos especiais e aprendizado. Foram vários torneios seguidos, um ritmo intenso, e agora vamos buscar mais esse ouro para o Brasil. Tem um charme disputar uma competição contra as melhores duplas. Queremos esse título inédito para coroar um belo Circuito Mundial", afirma Ágatha, que também lidera o ranking, com a parceira Bárbara Seixas.

Na nova etapa do circuito, as 10 duplas de cada naipe são divididas em dois grupos de cinco. Eles jogam entre si em busca do primeiro lugar de cada chave, para avançar direto às semifinais. Os segundos e terceiros colocados precisam disputar as quartas de final. As semifinais serão disputadas no sábado. No dia seguinte, haverá a final do masculino e feminino.

No Grupo B, Alison e Bruno Schmidt vão enfrentar os holandeses Reinder Nummerdor e Christiaan Varenhorst, a quem venceram na final do Mundial, na Holanda. Terão pela frente também os canadenses Chaim Schalk e Ben Saxton, os austríacos Clemens Doppler e Alexander Horst e os norte-americanos Phil Dalhausser e Nick Lucena, convidados pela organização.

Evandro e Pedro Solberg estão no Grupo A com os norte-americanos Jacob Gibb e Casey Patterson, os espanhóis Herrera e Ádrian Gavira, os holandeses Alexander Brouwer e Robert Meeuwsen e os italianos Paolo Nicolai e Daniele Lupo, que formam a outra dupla convidada.

No feminino, Ágatha e Bárbara Seixas vão encarar as norte-americanas Lauren Fendrick e April Ross, convidadas da organização, as alemãs Laura Ludwig e Kira Walkenhorst, as espanholas Liliana Fernández e Elsa Baquerizo e as canadenses Jamie Broder e Kristina Valjas, no Grupo A.

Pelo Grupo B, Larissa e Talita terão pela frente as canadenses Heather Bansley e Sarah Pavan, as holandesas Madelein Meppelink e Marleen Van Iersel, as norte-americanas Emily Day e Jennifer Kessy, convidadas da organização, e as alemãs Chantal Laboureur e Julia Sude.

O World Tour Finals vai encerrar a temporada 2015 do Circuito Mundial, embora o calendário deste ano ainda preveja outras três competições a serem disputadas. As etapas de Puerto Vallarta (México), Antalya (Turquia), e Doha (Catar), todas no formato Open, já serão válidas para a temporada 2016.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.