Dutra Silva vence challenger na França e deve virar 85º do mundo

Segundo melhor brasileiro no ranking mundial, Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, está em plena ascensão. Atual número 94, ele faturou neste domingo o título do Challenger de Bourdeaux, na França, ao vencer a final contra o norte-americano Bjorn Fratangelo (116.º do ranking) por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/1.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

15 de maio de 2016 | 12h18

Jogando torneios da série Challenger, que rendem menos no ranking mundial do que os da ATP, Rogerinho vem crescendo no ranking. De acordo com a Confederação Brasileira de Tênis (CBT), na próxima segunda-feira ele deve aparecer em 85.º lugar, a um posto do melhor ranking da carreira.

Há um ano, Rogerinho era apenas o 475.º do ranking e sofria para conseguir vaga inclusive em torneios Challenger. Ao recuperar o posto que ocupava em maio de 2013, quando foi Top 100 por sete semanas, o brasileiro ganhou o direito de entrar na chave principal de Roland Garros.

O Grand Slam francês começa no próximo dia 23 e Rogerinho precisa de uma boa campanha, chegando pelo menos à terceira rodada, para entrar no grupo dos 70 melhores do mundo e ganhar o direito de participar dos Jogos Olímpicos do Rio. A lista fecha em 6 de junho, logo após Roland Garros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.