Eduardo Couto garante vaga em Pequim na classe Finn

Velejador venceu o atual vice-campeão Jorge João Zarif, de apenas 15 anos, na última regata do torneio

Bruno Lousada, O Estado de S. Paulo

15 de fevereiro de 2008 | 19h56

Na disputa mais emocionante da Seletiva Brasil de Vela, cuja primeira etapa terminou nesta sexta-feira na Baía de Guanabara, o carioca Eduardo Couto carimbou seu passaporte na classe Finn para os Jogos Olímpicos de Pequim, em agosto. Ele só superou o vice-campeão Jorge João Zarif, de apenas 15 anos, na última regata do torneio. O clima de tensão resultou em vários protestos que acabaram não alterando a classificação geral."Confesso que na última regata temi ficar fora", disse Couto, que liderou a seletiva desde o início, mas foi seriamente ameaçado nesta sexta-feira, com a vitória de Jorge na primeira regata do dia. Na última prova, Couto largou mal e ainda acabou desclassificado por conta do protesto de Jorge Zarif, pai do velejador de 15 anos. O rapaz terminou em quinto lugar, não conseguiu superar o rival e disse ter sido prejudicado pelo velejador César Gomes Neto, vencedor da última regata, por conta de uma manobra que o atrapalhou. "Ainda bem que a minha pontuação anterior garantiu o título. A sensação é de alívio. A pressão foi muito grande. Foi o torneio mais tenso de minha vida", declarou Couto, campeão mundial de Laser Radial em 2005 e sul-americano de Laser Standard em 2006. Couto fez apenas cinco treinos de Finn para a seletiva. Usou barco emprestado pelo Iate Clube e mastro e velas cedidos por Joca Signorini, que garantiu a vaga para o Brasil na Olimpíada, mas se mudou para a vela oceânica. "Dedico o título à minha mãe, Ana Lúcia. Agora vou pensar se vou participar da seletiva da Laser. Acho que sim", afirmou Couto.A segunda etapa da Seletiva Brasil de Vela, que vai definir o representante da classe Laser em Pequim, começa no dia 22 e termina uma semana depois, na Baía de Guanabara.

Tudo o que sabemos sobre:
velaPequim 2008

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.