Em monastérios, explosivos

A polícia chinesa apreendeu explosivos, facas e pistolas, ontem, em seis monastérios da área tibetana da província de Gansu, informou a agência ''Xinhua''. Armas de fogo também teriam sido encontradas na província de Sichuan durante o fim de semana.''Foram confiscados uma pistola, 10 kg de dinamite, cinco detonadores e sete facas em um importante monastério'', detalhou o informe do governo, que afirma ter detido 2.204 pessoas, incluindo 519 monges, desde o início do movimento rebelde tibetano, iniciado em março.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.