Sergei Chirikov/EFE
Sergei Chirikov/EFE

Emanuel e Evandro vão à semifinal no 1º torneio juntos

SÃO PAULO - Está sendo muito boa a estreia de Emanuel e Evandro jogando juntos. A dupla formada pela técnica da seleção Letícia Pessoa para duas etapas do Circuito Mundial joga junta pela primeira vez no Grand Slam de Moscou e já está nas semifinais da competição na Rússia. Neste domingo, entrará em quadra pelas semifinais, contra os austríacos Petutschnig e Horst.

AE, Agência Estado

24 de agosto de 2013 | 16h40

O Brasil tem pelo menos uma medalha garantida na etapa. Isso porque são duas as duplas do País nas semifinais. Ricardo e Álvaro Filho também brigam, na outra chave, contra os letões Janis Smedins e Samoilovs, para chegar à final. Na pior das hipóteses, é a certeza de um bronze.

O desempenho poderia ser melhor não fosse o sorteio. Isso porque só duas duplas brasileiras no máximo poderiam chegar à semifinal. Primeiro Bruno Schmidt/Pedro Solberg venceu Alison/Vitor Felipe na repescagem, num jogo bastante equilibrado, com 17/21, 21/16 e 24/22. Mas depois os campeões brasileiros foram eliminados por Emanuel/Evandro, também em três sets, por 19/21, 21/14 e 15/10.

A maratona de jogos ainda reservava mais uma partida para Emanuel e Evandro, que chegaram à semifinal depois de vencerem uma partida de mais de uma hora contra Kapa/McHugh (Austrália), com parciais absolutamente equilibradas, de 28/26, 26/24 e 16/14. Ricardo e Álvaro Filho tiveram trabalho um pouco mais fácil. Primeiro eles bateram os poloneses Brouwer e Meeuwsen, seus algozes na final do último Mundial, em 2 sets a 0 (21/18 e 21/11). Na sequência, passaram pelos holandeses Stiekema e Varenhorst em outro grande jogo: 2 a 1, de virada, parciais de 18/21, 21/19 e 15/13.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.