Twitter/VolvoOceanRace
Twitter/VolvoOceanRace

Embarcação perde o mastro durante 7ª etapa da Volvo Ocean Race

Para evitar danos ao casco, a equipe Vestas 11th Hour Racing foi forçada a cortar parte do mastro quebrado

Estadão Conteúdo

30 de março de 2018 | 19h38

Um dos barcos participantes da Volvo Ocean Race teve problemas neste sexta-feira no Oceano Atlântico, em mais um grande revés para uma das equipes participantes na atual edição da regata volta ao mundo.

Heynckes projeta dificuldade contra o Dortmund, mas quer Bayern campeão no sábado

Leia Também

Mais notícias

A Vestas 11th Hour Racing, uma equipe norte-americana e dinamarquesa, informou que seu mastro quebrou durante a sétima etapa, realizada entre Auckland, na Nova Zelândia, e Itajaí. E para evitar danos ao casco, a equipe foi forçada a cortar parte dele.

Quando aconteceu o acidente, o barco estava a aproximadamente 100 milhas náuticas das Ilhas Falkland. Ele velejava entre 25 a 30 nós direção norte com ondas de 3 metros. A embarcação está a caminho da ilha a motor, com a tripulação estando segura.

No final de janeiro, o Vestas 11th Hour Racing colidiu com um barco de pesca de Hong Kong, matando um pescador e danificando a embarcação. Por conta disso, abandonou a quarta etapa e ficou de fora da quinta e da sexta para reparar os danos. A sétima etapa, portanto, representava o seu retorno ao evento.

Na segunda-feira, o tripulante britânico John Fisher foi perdido no Oceano Antártico em meio a um vendaval após cair do barco do Team Sun Hung Kai / Scallywag. Os seus tripulantes o procuraram, mas não conseguiram encontrá-lo. Na quinta, o MAPFRE, atual líder da classificação geral da Volvo Ocean Race, teve que ficar parado por 13 horas para reparar danos na vela grande, no mastro e na retranca. "Tivemos até sorte, pois isso ocorreu perto e tivemos ajuda da equipe de terra", disse o velejador Pablo Arrarte. A sétima etapa é liderada pelo Team Brunel.

Tudo o que sabemos sobre:
velaVela

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.