Empate no clássico paulista, NBA no Rio e Vettel: saiba como foi o fim de semana esportivo

Mais: Santos, tênis e vôlei de praia

O Estado de S.Paulo

14 de outubro de 2013 | 07h30

SÃO PAULO - O final de semana esportivo foi marcado pelos clássicos no Brasileirão. O São Paulo jogou melhor que o Corinthians, mas viu Rogério Ceni perder um pênalti no final da partida e deixar o duelo

SELEÇÃO BRASILEIRA

Não foi brilhante, mas a seleção brasileira deu início à série de amistosos na àsia ao superar a Coreia do Sul por 2 a 0 em Seul. Neymar abriu o placar na primeira etapa, enquanto Oscardeu os números finais para a partida. Esta foi a 16ª partida da seleção brasileira na segunda passagem do técnico Luiz Felipe Scolari, que agora soma dez vitórias, quatro empates e duas derrotas. Na próxima terça-feira, os atuais campeões da Copa das Confederações jogam em Pequim, na China, contra a seleção de Zâmbia.

F-1

Não foi tão fácil como das últimas quatro vezes, mas o alemão Sebastian Vettel conquistou a quinta vitória consecutiva no Grande Prêmio de Suzuka, no Japão. Largando na segunda colocação, o piloto da Red Bull  teve um inicio ruim, mas com uma boa estratégia de paradas, conseguiu nova vitória. Mark Webber e  Romain Grosjean completaram o pódio. Agora, Vettel precisa de apenas uma quinta colocação na Índia para se sagrar campeão independente do que acontecer com o espanhol Fernando Alonso, vice-líder do Mundial de pilotos.

BASQUETE

Chicago Bulls e Washington Wizards fizeram história na Arena HSBC, no Rio de Janeiro, ao realizarem a primeira partida de duas equipes da NBA dentro do Brasil. Apesar de toda a festa, não faltaram vaias para o pivô Nenê, envolvido na polêmica de recusar convocações para a seleção brasileira. Na quadra, melhor para os Bulls, que superaram os rivais por 83 a 81, apesar de não poder contar com o pivô Joakim Noah  e o armador Derrick Rose, poupados por causa de lesão.

TÊNIS

Fazendo dupla com o croata Ivan Dodig, Marcelo Melo se tornou o segundo brasileiro a conquistar um torneio de Masters ao se consagrar campeão do Masters 1000 de Xangai, na China, derrotando na final os espanhóis David Marrero e Fernando Verdasco por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/2), 6/7 (6/8) e 10/2. Na disputa de simples, o sérvio Novak Djokovic superou o argentino Juan Martin del Potro por 2 sets a 1, com parciais de 6/1, 3/6, 7/6 (7/3), e conquistou o bicampeonato na China.

VÔLEI

Bruno Schmidt e Pedro Solberg derrotaram os norte-americanos Dalhausser e Jennings por 2 sets a 1, com parciais de 23/21, 19/21 e 15/13, e conquistaram o título da chave masculina do Grand Slam de São Paulo do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, em partida disputada no Parque Villa-Lobos. uno Schmidt e Pedro Solberg estão em segundo lugar no ranking da temporada e agora acirraram ainda mais a disputa pelo título do Circuito Mundial, liderado pelos letões Smedins e Samoilovs, que ficaram em terceiro lugar em São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.