Empresas festejam retorno à vitrine dos Estados Unidos

País volta a ter uma etapa do Mundial após cinco anos e poderá ver o tricampeonato do alemão Sebastian Vettel

LIVIO ORICCHIO, O Estado de S.Paulo

13 de novembro de 2012 | 02h06

Sebastian Vettel, da Red Bull, pode conquistar o tricampeonato domingo no GP dos Estados Unidos - de volta à competição depois de cinco anos (antes a prova era em Indianápolis). Fernando Alonso, da Ferrari, vai tentar estender a definição do título até a etapa de encerramento do Mundial, dia 25, em Interlagos. Além de uma disputa esportiva como poucas na história, os profissionais da Fórmula 1 têm muito o que comemorar com o retorno da corrida mais desejada pelas empresas que representam: o mercado norte-americano é para a maioria o mais importante, apesar da crise no país.

"É onde mais vendemos nossos carros. Precisamos expor nossa marca lá", diz Luca di Montezemolo, presidente da Ferrari. Depois de Bernie Ecclestone anunciar que Indianápolis estava fora do calendário, em 2008, as pressões sobre o dirigente foram fortes para encontrar mecanismos de viabilizar a reintrodução do GP dos EUA no calendário. Stefan Kozak, CEO da Red Bull nos Estados Unidos, comandava a fabricante dos energéticos no Brasil. "Temos um grande potencial por ser explorado, ainda, na América do Norte", disse ao Estado.

O enorme interesse na volta dos Estados Unidos ao campeonato não se limita às empresas proprietárias de equipes e com participação no impressionante mercado do país, como Ferrari, Red Bull, Mercedes e Caterham, mas a todos os investidores que patrocinam as escuderias também. A lista de ações promocionais que acompanha a realização do GP é imensa, talvez a mais longa de todas as provas.

Com a diferença de quatro horas entre Brasília e Austin, os primeiros treinos livres no novo Circuito das Américas começam sexta-feira às 13h. A classificação, sábado, será às 16h e a corrida, domingo, às 17h.

Equipe HRT. O grupo de investimento espanhol Thesan anunciou ontem que em breve deverá concluir a venda de seu time.

Kart. Fernando Alonso vai disputar o Desafio das Estrelas, evento de kart promovido por Felipe Massa, nos dias 12 e 13 de janeiro em Santa Catarina.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.