Site/Confederação de Esgrima
Site/Confederação de Esgrima

Equipe masculina brasileira cai na estreia do florete e fecha campanha no Mundial

Brasileiros perderam para o time da Hungria por 45 a 43, em Wuxu, China

Estadão Conteúdo

26 de julho de 2018 | 17h38

A participação do Brasil no Mundial de Esgrima chegou ao fim nesta quinta-feira em Wuxu, na China, com derrota em um duelo equilibrado. Na primeira fase da disputa masculina por equipes do florete, os brasileiros perderam para o time da Hungria por 45 a 43.

+ Brasil é 14º na disputa feminina por equipes do florete no Mundial

A equipe brasileira foi formada por Julien Baneux, Guilherme Toldo, Heitor Shimbo e Henrique Marques. E começou a série de jogos, com duas derrotas e um empate na primeira rodada. Baneux foi batido por 5 a 1 por Daniel Dosa, Toldo e Benjamin Fruhauf empataram por 5 a 5 e Shimbo caiu por 5 a 2 para Andras Nemeth.

A reação brasileira veio na segunda rodada, com três vitórias: Baneux fez 6 a 5 em Fruhauf, Marques ganhou de 10 a 5 de Dosa e Toldo derrotou Nemeth por 6 a 2, o que fez a equipe até assumir a liderança do placar agregado.

O desempenho na terceira rodada, porém, acabou provocando a eliminação, especialmente a derrota de Marques por 8 a 2 para Fruhauf. Baneux empatou por 5 a 5 com Nemeth, enquanto derrotou Dosa por 6 a 5.

No Mundial, o Brasil teve desempenho modesto, não conseguindo se colocar entre os 32 melhores em nenhum evento individual da esgrima. Há um dia do fim do Mundial, o quadro geral de medalhas em Wuxu é liderado pela Itália, com três ouros, duas pratas e um bronze.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
esgrimaMundial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.