Erro elimina revezamento dos EUA

O americano Justin Gatlin, atualcampeão olímpico e das provas dos 100 e 200 metros no Mundial deHelsinque, perdeu a chance de tentar sua terceira medalha na capitalfinlandesa por causa da eliminação da equipe dos Estados Unidos norevezamento 4x100. A equipe americana foi eliminada porque Mardy Scales não acertouna entrega do bastão a Leonard Scott, durante a disputa da primeirasérie eliminatória do revezamento 4x100. Com isso, Gatlin não poderá igualar o recorde de três ourosobtidos por seu compatriota Carl Lewis na mesma capital finlandesaem 1983, na primeira edição do Mundial de atletismo. Gatlin agora terá de se contentar em estar ao lado do tambémamericano Maurice Grrene, que venceu duas provas no Mundial deatletismo de Sevilha, em 99. Na eliminatória, o quarteto americano era formado por Scales,Scott, Greene e Tyson Gay, enquanto Gatlin estava sendo preservadopara a final. Logo depois de levar o ouro nos 200m, o atleta disse que viera aHelsinque "para fazer história" e igualar a marca de Lewis. Todos consideravam que este seria o ouro mais fácil por causa dasuperioridade dos velocistas americanos. Na prova dos 200 disputadaontem, quatro deles ocuparam os primeiros postos do pódio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.