Jeff Pachoud/AFP
Jeff Pachoud/AFP

Esloveno fatura última etapa de montanha da Volta da França; Thomas mantém a ponta

Primoz Roglic, da equipe Lotto, completou o percurso de 200,5 km com o tempo de 5h28min17

Estadão Conteúdo

27 de julho de 2018 | 13h58

A Volta da França está perto de seu final e nesta sexta-feira foi realizada a 19.ª etapa, a última de montanha da prova de ciclismo mais tradicional do mundo. O vencedor da desgastante disputa foi o esloveno Primoz Roglic, da equipe Lotto, que completou o percurso de 200,5 km entre as cidades de Lourdes e Laruns, na região dos Pirineus, com o tempo de 5h28min17.

A vitória na antepenúltima etapa da Volta da França provocou a ascensão de Primoz Roglic da quarta para a terceira posição na classificação geral, ultrapassando o britânico Chris Froome, que terminou a prova desta sexta-feira 19 segundos atrás do esloveno, na oitava colocação.

No mesmo pelotão de Chris Froome cruzaram a linha de chegada outros seis ciclistas. Entre eles o britânico Geraint Thomas, que segue na liderança geral e está muito perto de conquistar o título da Volta da França. Ele tem o tempo total de 79h49min31 e, como o holandês Tom Dumoulin teve um desempenho igual nesta etapa, manteve a vantagem de 2 minutos e 5 segundos.

Bem perto do ciclista da Holanda na classificação geral estão Primoz Roglic e Chris Froome. O esloveno tem 19 segundos de desvantagem para Tom Dumoulin e o britânico se encontra 13 segundos atrás do vencedor da etapa desta sexta-feira.

Quem se complicou muito foi o colombiano Nairo Quintana, especialista em etapas de montanha como a da última quarta-feira, quando foi o vencedor. Nesta sexta, todo machucado por causa de uma queda que sofreu no dia anterior, foi apenas o 26.º colocado com 5min15 de desvantagem para Primoz Roglic. Assim, caiu da quinta para a nona posição na classificação - está 10min26 atrás do líder Geraint Thomas.

Neste sábado acontecerá a decisiva 20.ª etapa, já que tradicionalmente a última, no domingo, quando os ciclistas chegarão em Paris, é meramente uma formalidade e não há disputa. Será um contra-relógio individual de 31 km em Saint-Pee-sur-Nivelle_Espelette, na região do País Basco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.