Espanha decepciona e sai de cena

Fúria perdeu para Honduras por 1 a 0 e currículo recente do futebol espanhol vira pó nos Jogos

O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2012 | 03h09

O currículo recente do futebol da Espanha - bicampeã da Eurocopa e campeã mundial - virou pó nos Jogos de Londres. A equipe perdeu para Honduras por 1 a 0, ontem, em Newcastle, e está eliminada da disputa. Foi a segunda derrota espanhola no torneio. No final da partida, os hondurenhos desfilaram com a bandeira do país como se tivessem conquistado o ouro.

"Os jogadores estão tristes e decepcionados. Tentaram até o último momento, mas faltou o gol", disse o técnico Luis Milla.

Depois de ter levado o gol aos 6 minutos - falha da defesa aproveitada por Bengston, autor de três tentos no torneio -, a Espanha pressionou, acertou duas bolas na trave no segundo tempo, mas não conseguiu o empate.

Na outra partida do grupo D, o Japão garantiu sua classificação ao vencer o Marrocos por 1 a 0. Na última rodada, Honduras e o próprio Marrocos estão na disputa pela outra vaga - dessa chave sairá o adversário do Brasil.

O mesmo fantasma que assombrou a Espanha abateu o Uruguai. Diante de um rival com dez jogadores desde os 29 do primeiro tempo, os uruguaios sofreram uma derrota improvável para o Senegal por 2 a 0. O vexame, aliado à vitória da Grã-Bretanha por 3 a 1 sobre os Emirados Árabes, obriga a Celeste a vencer o último jogo, contra os anfitriões.

Pelo Grupo B, Giovani dos Santos saiu do banco de reservas para resgatar a força do México como candidato à medalha. Ele marcou os dois gols da vitória sobre o Gabão por 2 a 0 que colocaram o time mexicano na liderança da chave, com quatro pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.