Espanha e Inglaterra ganham e vão à Copa

Portugal e França ainda mantêm o sonho. Itália e Alemanha estão bem perto da classificação

Jamil Chade, GENEBRA, O Estadao de S.Paulo

10 de setembro de 2009 | 00h00

Com campanha invicta e impecável, sem perder sequer um ponto, a Espanha se classificou para a Copa e manda recado de que quer chegar à África do Sul como uma das favoritas ao título. A Inglaterra também carimbou passaporte para 2010. A Itália está bem perto de brigar pelo penta e a França suou para não se despedir de forma precoce. Portugal venceu a Hungria e ganhou uma sobrevida, mas ainda não tem lugar garantido nem na repescagem europeia.

A Fúria, campeã continental, mostrou que vive grande fase. Com folga, ganhou da Estônia em casa por 3 a 0 e selou sua classificação no Grupo 5. A equipe espanhola, com o brasileiro Marcos Senna em campo, se beneficiou do empate de 1 a 1 entre Bósnia e Turquia. A Espanha participou de todas as Copas desde 1974. Com campanha de oito vitórias em oito partidas, os espanhóis não disfarçam que vão à África com o sonho de finalmente conquistar uma Copa.

A Inglaterra também coroou trajetória invicta ao golear a Croácia por 5 a 1 no Estádio de Wembley. A classificação em grande estilo foi comemorada, principalmente depois de o English Team ter ficado fora da Eurocopa de 2008, ao cair justamente diante dos croatas.

Já a Itália, atual campeã do mundo, venceu fez 2 a 0 na Bulgária, gols de Grosso e Iaquinta, e tem sua classificação encaminhada. Apenas uma combinação improvável de resultados tiraria a Azzurra do Mundial.

A França arrancou empate de 1 a 1 com a Sérvia em Belgrado, manteve o 2º lugar no Grupo 7 e tem quase garantida vaga na repescagem. Milijas, de pênalti, fez para os sérvios e Henry igualou. O goleiro francês Lloris foi expulso aos 9 minutos de jogo.

Portugal também adiou eliminação graças a gol do brasileiro Pepe, que garantiu o 1 a 0 sobre a Hungria, em Budapeste. Mas a classificação continua difícil. Os portugueses estão em terceiro no Grupo 1, com 13 pontos, 5 atrás da líder Dinamarca, que empatou com a Albânia por 1 a 1, em Tirana. A Suécia é vice-líder com 15, ao ganhar de Malta por 1 a 0, gol de Azzopardi (contra), aos 36 minutos do 2.º tempo.

A Alemanha fez treino de luxo contra o Azerbaijão, a quem derrotou por 4 a 0, gols de Ballack, Klose (2) e Podolski. Os alemães lideram o Grupo 4, com 22 pontos, um à frente da Rússia, que superou o País de Gales por 3 a 1, gols de Semshov, Ignashevich e Pavlyuchenko.

A Eslováquia fez 2 a 0 na Irlanda do Norte, em Belfast e caminha para sua primeira Copa. A Suíça empatou com a Letônia por 2 a 2, em Riga, e lidera o Grupo 2, com 17 pontos.

O vencedor de cada grupo vai à Copa, assim como o melhor segundo colocado. Os outros oito segundos colocados disputam quatro vagas na repescagem. Holanda, Inglaterra, Espanha, Japão, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Brasil, Gana, Austrália, além da África do Sul, já garantiram classificação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.