Espanhóis avançam e Davydenko cai no ATP de Barcelona

Como já era esperado, vários tenistas espanhóis estão dando as cartas no ATP de Barcelona, que distribui 850 mil euros em prêmios. Nesta quarta-feira, em jogos válidos pela segunda rodada, dois deles tiveram que suar para avançar às oitavas-de-final. Cabeça-de-chave número 10, Juan Carlos Ferrero bateu o compatriota Alberto Martín por 2 sets a 0 - com parciais de 6/4 e 7/6 (7/1). Mais tarde, Albert Portas eliminou o checo Tomas Berdych (cabeça 9) também por 2 a 0 - parciais de 7/6 (8/6) e 6/3.Quem se deu mal foi o russo Nikolay Davydenko, segundo pré-classificado, que perdeu para o croata Ivo Karlovic por 2 sets a 1 - parciais de 6/7 (7/9), 7/5 e 6/4. Em outras partidas, o francês Paul-Henri Mathieu ganhou do espanhol Carlos Cuadrado por 2 a 0 - parciais de 7/6 (7/4) e 6/4 -, o russo Evgeny Korolev derrotou o espanhol Fernando Vicente por 2 a 0 (6/3 e 6/0) e o finlandês Jarkko Nieminen passou pelo alemão Philipp Kohlschreiber por 2 a 0 (6/1 e 6/2).

Agencia Estado,

26 de abril de 2006 | 10h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.